O Sono é um importante mecanismo reparador das funções mentais, preparando o organismo para um novo dia de vigília. É durante o Sono que as memórias são sedimentadas. Geralmente o sono dura de 4 horas até 10 horas e esse tempo varia de pessoa para pessoa.

Analisando o Sono, verificou-se que o mesmo é formado por 5 estágios (I, II, II, IV e fase REM), que ocorrem sempre nessa ordem, formando um ciclo que dura de 90 até 120 minutos, em média. Esse ciclo costuma se repetir por cerca de 4 a 5 vezes durante o Sono. É na fase REM que ocorrem os sonhos e é nessa fase que a memória é consolidada.

O Sonambulismo é uma Parassonia.

Existem diversos tipos de distúrbios do Sono e do despertar. Alguns desses distúrbios são chamados de Parassonias. O Sonambulismo é uma parassonia caracterizada pela realização de atividades motoras tais como andar e realizar tarefas comuns durante o sono. Ao despertar, o indivíduo que sofre de sonambulismo não se recorda de nada. Isso ocorre porque, em algumas pessoas, existe um desequilíbrio entre o despertar somático (o despertar dos orgãos, frequência cardíaca e metabolismo, por exemplo), o despertar cortical (despertar das funções cerebrais) e o despertar cognitivo (consciência). Dessa forma, apenas “partes”da pessoa despertam e permitem que ele realize algumas tarefas e atividades motoras, mas como sua consciência não despertou, ele não se lembrará de nada. Outro distúrbio do sono bastante comum é o Sonilóquio, onde pessoas falam durante o sono.

O Sonambulismo ocorre geralmente em crianças entre 5 e 12 anos, mas pode acontecer em qualquer idade. Em cerca de 65% dos casos que ocorrem na população infantil existe uma predisposição genética para esse fenômeno. Na população adulta o sonambulismo geralmente ocorre por Stress, uso de álcool ou existência de doenças que interfiram na qualidade do sono (como a apnéia do sono).

O Sonambulismo, nas crianças, costuma diminuir com a idade.

Recentemente, um tipo especial de sonambulismo vem sendo relatado: o Sonambulismo Digital. Nesses casos, a pessoa envia mensagens, posta em redes sociais, entra no Whatsapp (ou similares) sem ter plena consciência do que está fazendo e sem se recordar de nada no dia seguinte. Tal situação pode ser bastante constrangedora e problemática pois é difícil explicar e convencer alguém sobre a razão um post no meio da madrugada.

ll

O maior problema do Sonambulismo é você se machucar enquanto anda (uma queda, por exemplo) ou ter uma briga com sua namorada/esposa, após entrar no Facebook de madrugada 🙂 . Se você sofre de algum distúrbio do Sono procure um médico especialista para ser corretamente avaliado e iniciar seu tratamento. Entretanto, algumas dicas podem ajudar:

– Quando for dormir, desligue seu celular;

– Se você encontrar um Sonâmbulo, não tenha medo de acordá-lo. Porém, eles geralmente acordam muito confusos. O melhor a fazer é levá-lo até a cama e deitá-lo novamente;

– Se você é sonâmbulo, evite o consumo de álcool e a privação do sono.

 

(Artigo do Dr. Sergio Amaral, também publicado no Facebook)